Foto de Carolina Dieckmann

Carolina Dieckmann Feminino

Role a página para encontrar informações gerais como peso, altura e idade de Carolina Dieckmann, dentre outras.

Você também irá encontrar outras celebridades que fazem aniversário no mesmo dia, além de signo dos famosos e comentários da comunidade.

Carreira de Carolina Dieckmann

Em 1993 passou no teste para a minissérie Sex Appeal, onde interpretou Claudinha, uma das cinco protagonistas. Em 1994 ganhou seu primeiro papel de destaque em novelas como a doce e ingênua Açucena, em Tropicaliente.

Em 1995 integrou o primeiro elenco do seriado teen Malhação, onde interpretava July, uma adolescente rebelde, sendo a primeira vilã de sua carreira e da história de Malhação. Em 1996 interpretou Renata em Vira Lata, a mocinha romântica da trama, e em 1997 estreou no horário nobre como a modelo Catarina, em Por Amor, seu primeiro trabalho com o autor Manoel Carlos.

Em 2000, Carolina obteve muito destaque em Laços de Família, escrita por Manoel Carlos, em que interpretou Camila, personagem envolvida em grandes conflitos familiares, que descobre possuir leucemia.

Durante a novela, Carolina participou de uma campanha institucional incentivando a doação de medula. Para a campanha, foi usada a cena de grande comoção nacional, em que sua personagem Camila, por estar com queda de cabelo devido ao tratamento de quimioterapia, raspa a cabeça.

A atriz foi extremamente homenageada pela Rede Globo, e ganhou um cachê bastante alto para raspar a cabeça na trama.

Na sexta-feira santa de 2001, Carolina interpretou Maria, na encenação da Via Sacra, em Cabo Frio, contracenando com Eduardo Moscovis, que fez o papel de Jesus.

Nesse mesmo ano, atuou no episódio "As Proezas do Finado Zacarias" do programa Brava Gente. Em 2003 interpretou Edwiges em Mulheres Apaixonadas, abordando o tabu da virgindade até depois da adolescência.

Em 2004 teve um papel importante em Senhora do Destino, como Isabel/Lindalva, a filha sequestrada da protagonista Maria do Carmo (Susana Vieira), que Carolina também interpretou na primeira fase da novela.

Em 2006 atuou em Cobras & Lagartos, de João Emanuel Carneiro, na qual interpretou a vilã, Leona, recebendo elogios da crítica.

No mesmo ano, Carolina Dieckmann processou o Pânico na TV!, da RedeTV!, e ganhou a causa. Na ação, ela alegava que teve sua vida privada invadida quando foi perseguida por Vesgo e Silvio.

Os humoristas chegaram a colocar um guindaste para flagrar o filho da atriz dentro do apartamento dela. A emissora do "Pânico" teve que pagar 35 mil reais de indenização e ficou proibida de fazer referência à atriz.

Em 2007, no Rio de Janeiro, a atriz posou para a exposição Síntese, do fotógrafo Fernando Torquato com fotos sensuais.

Em 2008 Carolina voltou as novelas como Suzana, uma das protagonistas da novela Três Irmãs, de Antônio Calmon. Na novela, a atriz interpretou uma surfista com problemas amorosos e muito frágil emocionalmente, mas com um caráter forte e valores morais nítidos.

Em 2010, interpretou a estudante de jornalismo Diana, a protagonista de Passione, que faleceu no parto no final da trama.

Em 2011, voltou às novelas fazendo a vilã ambiciosa "Teodora" na novela Fina Estampa, de Aguinaldo Silva, fazendo par romântico de Quinzé (Malvino Salvador).

Em 2012, integrou o elenco da novela Salve Jorge, interpretando a traficada Jéssica, a melhor amiga de Morena (Nanda Costa) e uma das protagonistas da trama, que descobre a identidade da vilã, sendo assassinada por ela.

Em 2013, interpretou "Iolanda" em Joia Rara. Em 2015 interpretou a garçonete "Lara" em A Regra do Jogo novela de João Emanuel Carneiro, na trama fez par romântico com o ator Marco Pigossi.

Em 2018, retorna no papel da médica Marion, protagonista da série Treze Dias Longe do Sol, contracenando com Selton Melo.

Em 2018, retorna a televisão com um papel fixo no elenco de uma novela, aceitando o convite e retomando a parceria com o dramaturgo Aguinaldo Silva, e atuando em O Sétimo Guardião, na qual interpreta Afrodite, uma mulher bela e sensual, mas totalmente devotada a família, que aos poucos tem uma grande mudança e passa a olhar para si mesma, ao mesmo tempo que sofre com a violência por parte do marido, um homem extremamente machista.

Vida pessoal de Carolina Dieckmann

Nascida e criada em uma família de classe média alta da zona sul carioca, é filha da secretária executiva Maíra e do engenheiro Roberto Dieckmann, possui três irmãos: O diretor Bernardo, que é o irmão mais velho, e os caçulas: Os gêmeos Edgar, que atua como DJ, e Frederico, que é chef.

Seus bisavós maternos e paternos eram alemães. Em 1996 começou a namorar Marcos Frota, pai de três filhos, além de viúvo.

Carolina foi morar com ele em 1997, após um ano de namoro, e passou a ajudá-lo a criar os filhos órfãos.

A união foi oficializada no mesmo ano, sendo a festa realizada no picadeiro de um circo. Em 1998, grávida de três meses, sofreu um aborto espontâneo.

Em 1999 nasceu o único filho do casal, Davi, no Rio de Janeiro. Divorciaram-se amigavelmente em 2003. Em 2004 começou a namorar o diretor de TV Tiago Worcman.

Em 2006 engravidou dele, mas sofreu seu segundo aborto espontâneo, aos dois meses de gestação. Casaram-se em 6 de maio de 2007.

A festa de casamento foi realizada na Mansão das Heras, no Alto da Boa Vista, na zona norte carioca. O filho do casal, José, nasceu também de parto normal, no Rio de Janeiro, no dia 14 de agosto de 2007.

Em 2016 optou em acompanhar seu marido, que conseguiu um bom emprego nos Estados Unidos, e assim mudou-se com seu filho caçula para Miami, na Flórida.

Em entrevistas revelou ter sofrido por deixar seu filho mais velho no Rio de Janeiro, porque ele não quis ir, e passou a morar sozinho, em busca de independência financeira e pessoal.

Em 25 de agosto de 2019 sua mãe faleceu repentinamente, enquanto dormia. Carolina revelou em entrevistas que passou por um sofrimento muito grande, e que nunca mais falará a palavra mãe, o que lhe doía demais.

Ela informou que sua mãe não tinha nenhum problema de saúde conhecido, mas não revelou a causa do falecimento, apenas dissera que sua mãe sempre falava que preferia falecer dormindo, sem sofrimento, o que aconteceu.

Discografia de Carolina Dieckmann

Aparições em álbuns.

Turnês de Carolina Dieckmann

Turnê Karolkê (2019–presente).

Data de Aniversário de Carolina Dieckmann

Carolina Dieckmann comemora seu aniversário todo dia 16 de Setembro, e é do signo de Virgem.

Carolina Dieckmann: Idade e Data de Nascimento

Carolina Dieckmann nasceu em 1978, era Sábado. Hoje tem 43 anos de idade.

Altura de Carolina Dieckmann

Ainda não temos informações sobre a altura de Carolina Dieckmann. Se você sabe, ajude a gente enviando essa informação nos comentários ao final da página.

Características Físicas

Altura Não informado
Peso Não informado
Peso Ideal Não informado
Olhos Não informado
Tom da pele Não informado
Sexo / Gênero Feminino

Também fazem aniversário no dia 16 de Setembro

Andréa Beltrão Bill Saluga Camilo Sesto Dino Andrade Ed Stoppard James Moses Black Jesús Zavala Katie Melua Madeline Zima Molly Shannon Nick Jonas Pedro Gabriel Tonini Peter Keleghan Reggie Gowland Tábatha Almeida Toks Olagundoye

Outros famosos do signo de Virgem

2 Chainz A.J. Castro Aamir Ali Adam Sandler Adam Sopp Adrian Bustamante Ahd Tamimi Ahna O'Reilly Ai Weiwei Ailton Graça Al Jardine Alberto Podestá Alejandro Goic Alessandra Negrini Alessandro Piavani Alex Hassell Alex Lifeson Alex Song Alexander Mackendrick Alexander Skarsgård Alexandre Rodrigues Alexis Raben Alfie Allen Alfonso Herrera Aline Dias Alison Steadman Allan Havey Alok Álvaro Cervantes Alyssa Diaz Amanda de Godoi Amanda Ooms Amparo Grisales Amy Irving Amy Macdonald Ana Carolina Ana Nave Andréa Beltrão Andrea Bocelli Andrea Frigerio Andreas Kisser Andrei Claude Andrew Rannells Angela Gheorghiu Ângelo Rodrigues Ann Talman Anne Archer Anne Jackson Anne Ramsay Annette Badland Anthony Chau-Sang Wong Anthony Hayes Antonio Carrizo Antony Gormley Arlindo Cruz Armie Hammer Arnaldo Antunes Arturo Maly Ashley Roberts Augustus Prew Bashar al-Assad Bebe Rexha Ben Carson Ben Gazzara Bernabé Rico Bernardo Badillo Bernie Williams Bertrand Bonello
Ver todos

Comentários