Foto de Brad Pitt

Brad Pitt Masculino

Role a página para encontrar informações gerais como peso, altura e idade de Brad Pitt, dentre outras.

Você também irá encontrar outras celebridades que fazem aniversário no mesmo dia, além de signo dos famosos e comentários da comunidade.

Início de vida de Brad Pitt

William Bradley Pitt nasceu em Shawnee, Oklahoma. É filho de William Alvin Pitt, ex-presidente de uma empresa de transporte rodoviário, e Jane Etta (sobrenome de solteira Hillhouse), secretária de uma escola.

Poucos anos após seu nascimento, Pitt, seus pais e seus irmãos mais novos, Douglas Pitt (nascido em 1966) e Julie Neal (nascida em 1969), mudaram-se para Springfield, Missouri.

O ator é descendente de ingleses, cherokees, seminoles e um pouco de escoceses, galeses, norte-irlandeses, irlandeses e alemães. Nascido em uma família conservadora, foi criado na Convenção Batista do Sul, mas já afirmou que "não tem um ótimo relacionamento com a religião" e que "está entre o agnosticismo e o ateísmo".

Pitt descreveu Springfield como "[um] país de Mark Twain e de Jesse James", tendo crescido com "muitas colinas e lagos em volta".

Pitt frequentou o Colégio Kickapoo, onde foi membro das equipes de golfe, natação e tênis. Também participou dos clubes dos oradores, dos de debates escolares e dos musicais.

Após sua formatura no ensino médio, inscreveu-se na Universidade do Missouri em 1982, com especialização em jornalismo e publicidade, na qual foi membro da fraternidade Sigma Chi, participado em muitos eventos da organização.

Ao passo que a formatura se aproximava, Pitt não se sentia pronto para seguir a profissão. Ele amava filmes — e considerou-os "um portal para mundos diferentes" —, mas como essas produções não eram feitas em Missouri, decidiu ir para onde elas eram feitas.

Duas semanas antes de receber seu diploma, ele saiu da universidade e mudou-se para Los Angeles, onde teve aulas de teatro e trabalhou em diferentes lugares.

Causas humanitárias e políticas de Brad Pitt

Pitt colaborou com diversas causas e instituições de caridade ao longo de sua carreira. Em outubro de 2004, visitou o campus da Universidade do Missouri para encorajar os estudantes a participarem da eleição presidencial nos Estados Unidos em 2004, na qual ele apoiou John Kerry.

No mesmo mês, o ator apoiou publicamente o financiamento público para a pesquisa de células-tronco embrionárias e também apoiou a Proposição 71, uma iniciativa de votação destinada a fornecer financiamento do governo estadual para a pesquisa com essas células.

"Nós temos que nos certificar de que abrimos esses caminhos para que nossos melhores e mais brilhantes [pesquisadores] possam encontrar as curas que eles acreditam se possível", disse.

Pitt apoia a ONE Campaign, uma organização destinada a combater a AIDS e a pobreza nos países em desenvolvimento. Ele narrou a série de televisão Rx for Survival: A Global Health Challenge (2005), do Serviço Público de Radiodifusão, que aborda problemas de saúde atuais ao redor do globo.

No ano seguinte, Pitt e Angelina Jolie voaram para o Haiti, onde visitaram uma escola financiada pela Yéle Haïti, uma instituição de caridade fundada pelo músico haitiano Wyclef Jean.

Em maio de 2007, Pitt e Jolie doaram um milhão de dólares a três organizações no Chade e no Sudão dedicadas às pessoas afetadas pelo conflito na região de Darfur.

Junto com Clooney, Matt Damon, Don Cheadle, David Pressman e Jerry Weintraub, Pitt é um dos fundadores da Not On Our Watch, uma organização que tenta chamar a atenção dos meios de comunicação para parar e prevenir "atrocidades em massa", como ocorreu em Darfur.

Além disso, o ator expressou interesse em arquitetura, tirando uma pausa, durante as gravações de um filme, para estudar por computador uma aula de design do renomado arquiteto Frank Gehry.

Ele foi narrador da série Design e2, produzida pela PBS, cuja trama se concentra em tentar conscientizar o mundo a construir estruturas mais benéficas ao ambiente através de arquitetura e design sustentáveis.

Ele criou a Make It Right Foundation, uma fundação que tem juntado vários profissionais de habitação em Nova Orleans para financiar e construir 150 casas sustentáveis e a preços acessíveis na região Ninth Ward da cidade após o desastre causado pelo furacão Katrina.

Este projeto conta com a participação de 13 empresas de arquitetura e com a organização ambiental Global Green USA, e várias empresas doaram os seus serviços.

Pitt e o filantropo Steve Bing ofertaram, cada um, cinco milhões em doações para a fundação. As primeiras seis casas foram concluídas em outubro de 2008 e, em setembro de 2009, Pitt recebeu um prêmio da US Green Building Council, uma organização comercial sem fins lucrativos que promove a sustentabilidade desde a projeção até a operação de edifícios, em reconhecimento ao projeto.

Em março de 2009, o ator encontrou-se com o com o até então presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, e a até então presidente da Câmara dos Representantes, Nancy Pelosi, para promover seu conceito de "habitação verde" como modelo nacional e discutir as possibilidades de um financiamento do governo federal.

Em setembro de 2006, Pitt e Jolie criaram uma organização de caridade, a Fundação Jolie-Pitt, para realizar causas humanitárias em todo o mundo.

A fundação doou em seu primeiro dia um milhão de dólares para a Ação Global para Crianças e um milhão para Médicos Sem Fronteiras.

No mês seguinte, eles fizeram outra doação de cem mil dólares à Fundação Daniel Pearl, uma organização criada em memória do falecido jornalista norte-americano Daniel Pearl.

De acordo com documentos federais, em 2006, Pitt e Jolie investiram 8.5 milhões na Fundação Jolie-Pitt; doaram 2.4 milhões, ainda no mesmo ano, e 3.4 milhões de dólares em 2007.

Em junho de 2009, doaram um milhão à agência de refugiados da ONU para ajudar os paquistaneses transferidos pelas tropas e militantes talibãs.

Em janeiro de 2010, a Fundação Jolie-Pitt doou mais um milhão de dólares para Médicos Sem Fronteiras para comprar suprimentos médicos e ajudar as vítimas do terremoto no Haiti.

Pitt é defensor do casamento entre pessoas do mesmo sexo. Em uma entrevista à Esquire, em outubro de 2006, disse que se casaria com Jolie quando todos nos Estados Unidos fossem legalmente capazes de se casar.

Em setembro de 2008, ele doou cem mil dólares para a campanha contra a Proposição 8 da Califórnia, uma iniciativa popular que foi aprovada nas urnas pela maioria dos eleitores californianos para modificar a constituição do Estado com o objetivo de assinalar que somente o enlace entre um homem e uma mulher é considerado casamento.

Em março de 2012, Pitt, ao do de Clooney, Martin Sheen, Kevin Bacon, Jane Lynch, Matthew Morrison e Jamie Lee Curtis, entre outros, apareceu na peça "8", baseada em um roteiro de Dustin Lance Black, a qual tenta encenar a exposição de argumentos no julgamento contra a Proposição 8.

Em setembro do mesmo ano, durante a eleição presidencial nos Estados Unidos, o ator reafirmou seu apoio a Obama, dizendo: "Eu sou um apoiante de Obama e estou apoiando sua campanha eleitoral".

Vida pessoal de Brad Pitt

Pitt é filho de William Alvin Pitt com Jane Etta, e irmão de Douglas Pitt e Julie Neal. O ator afirmou que ultimamente tem vivido distante de sua família e que ela se encontra dividida entre Los Angeles, Nova Orleans e Luisiana.

Em março de 2009, quando se encontrou com o até então presidente Barack Obama para coordenar um projeto relacionado à reconstrução da cidade de Nova Orleans, descobriu-se que ambos são primos em nono grau, conectados através de Edwin Hickmann, um policial do estado da Virginia, que morreu em 1769.

Na mídia de Brad Pitt

A imagem pública de Pitt está fortemente ligada à sua beleza e ao seu apelo sexual. Muitos meios de comunicação, incluindo People, Cosmopolitan, e Esquire, citaram-no como o Homem Mais Sensual do Mundo.

A revista Empire classificou-o em 23.º lugar na lista das "100 Estrelas de Cinema Mais Sensuais de Sempre" realizada em 1995.

Repetiu a aparição em 2004, no número quinze, e em 2007, no número sete. Em 1995, a People nomeou-lhe como o Homem Mais Sensual Vivo, ganhando novamente a mesma classificação em 2000.

Em outras publicações da mesma revista foi nomeado como uma das cinquenta pessoas mais bonitas em 1995, 1996, 1997, 2004 e 2005, e esteve na edição das cem pessoas mais bonitas do mundo em 2006, 2007, 2008 e 2009, e ainda foi classificado como uma das 25 pessoas mais intrigantes de 1995, 2009, 2010 e 2011.

O ator ocupou a décima segunda colocação na lista Hot 100 do portal online LGBT AfterElton.com em 2007. Repetiu a sua aparição nos anos seguintes, sendo votado como o 15.º da lista de 2008, o 18.º em 2009, o 54.º em 2010, 74.º em 2011 e 79.º em 2012.

Pitt esteve no Time 100, uma lista das pessoas mais influentes do mundo, publicada pela revista Time, em 2007 e 2009, nesta última, na categoria Builders and Titans.

A revista afirmou que ele usa "[seu] poder de estrela para que as pessoas vejam [o que] as câmeras não costumam gravar".

No AskMen's Top 49 Men, que lista os homens mais influentes, ficou na 11.ª classificação em 2007, 33.ª em 2008, 21.ª em 2009, e sem ordem específica dos "49 Homens que Estão Mudando o Mundo em que Tu Vives" em 2014.

Foi nomeado uma das celebridades mais poderosas do mundo pela revista Forbes nas edições de 2006, 2007 e 2008, no número 20, 5 e 10, respectivamente.

Em um estudo científico usando-se a proporção áurea, confirmou-se que Pitt tem o terceiro rosto masculino mais perfeito do mundo, com 90,51 por cento de precisão, ficando atrás apenas de Bradley Cooper, que ficou em segundo lugar, e George Clooney, o primeiro.

A partir de 2005, o relacionamento de Pitt com Jolie tornou-se uma das noticias de celebridades mais divulgadas em todo o mundo.

Depois da confirmação da gravidez de Jolie no início de 2006, a grande cobertura midiática em torno do casal alcançou o que a Reuters, em uma publicação intitulada "A febre de Brangelina", chamou de "ponto de insanidade".

Para evitar ainda mais a atenção da mídia, o casal voou para a Namíbia para o nascimento de sua filha, Shiloh, a qual foi descrita por um blog de paparazzi como "o bebê mais esperado desde Jesus Cristo".

Em 2006, a People nomeou a família Jolie-Pitt a mais bonita do mundo. A ampla influência e riqueza de Pitt são amplamente registradas.

Em uma pesquisa global de 2006, feita pela ACNielsen em 42 mercados internacionais, o ator, juntamente com Jolie, foi considerado a celebridade favorita para endossar marcas e produtos em todo o mundo.

Pitt também já apareceu em vários comerciais de televisão, como um comercial para a marca de cerveja Heineken, dirigido exclusivamente para o mercado norte-americano e transmitido durante o Super Bowl XXXIX; este anúncio teve por diretor David Fincher, que dirigira os filmes Seven, Fight Club e The Curious Case of Benjamin Button, todos estrelados pelo ator.

Sua outras aparições comerciais foram para a televisão asiática, promovendo o Honda Integra, ao lado da modelo russa Tatiana Sorokko, assim como a empresa SoftBank e a marca de roupas Edwin Jeans, todas de origem japonesa.

Em 2 de junho de 2015, o asteroide 29132 Bradpitt foi nomeado em sua homenagem.

Filmografia de Brad Pitt

Pitt iniciou sua carreira de ator em 1987, fazendo pontas sem aparecer nos créditos finais nos filmes No Way Out, No Man's Land e Less Than Zero.

Nesse mesmo ano estreou na televisão como um convidado em dois episódios na soap opera Another World, continuando em papéis coadjuvantes no cinema e na televisão como em The Dark Side of the Sun, Freddy's Nightmares, Thirtysomething.

As perspectivas de sua carreira melhoraram com um papel coadjuvante no filme Thelma and Louise, que deu-lhe definiu como um símbolo sexual.

Seus próximos papéis foram em Kalifornia e True Romance. Em 1994, o ator teve dois papéis que alavancaram sua carreira.

O primeiro foi em Interview with the Vampire: The Vampire Chronicles, no qual ganhou dois MTV Movie Awards, apesar de seu desempenho ter sido mal recebido pela crítica.

O segundo filme foi Legends of the Fall, pelo qual recebeu sua primeira indicação aos Prêmios Globo de Ouro na categoria Melhor Ator em Filme Dramático.

Seu próximo filme, Seven, emergiu como um sucesso comercial, arrecadando 327 milhões de dólares na bilheteria mundial, tornando sua maior bilheteria a esse ponto.

No filme de ficção científica Twelve Monkeys interpretou Jeffrey Goines, um desempenho que recebeu críticas positivas, que rendeu-lhe o Prêmio Globo de Ouro de Melhor Ator Coadjuvante e recebeu sua primeira indicação ao Oscar na mesma categoria.

Atuou ao lado de Edward Norton e Helena Bonham Carter em Fight Club (1999), que tornou-se um filme cult após o lançamento.

Sua próxima aparição na televisão foi em Friends, no episódio "The One with the Rumor" da oitava temporada (2001). Apesar de seu desempenho ter recebido críticas variadas dos analistas de televisão, foi indicado ao Emmy de na categoria de Melhor Ator Convidado em Série de Comédia.

Nesse mesmo ano, interpretou Rusty Ryan no filme Ocean's Eleven, uma refilmagem do filme de 1960 de mesmo nome, no qual atuou ao lado de George Clooney, Matt Damon, Andy García e Julia Roberts.

O filme foi um sucesso comercial e crítico. Em 2003, Pitt emprestou sua voz para o filme de animação Sinbad: Legend of the Seven Seas, e, em seguida, dublou Patch, irmão de Boomhauer, na série de animação satírica king of the Hill.

Em 2004, interpretou o papel de Aquiles no filme Troy, que foi um sucesso comercial, arrecadando 497 milhões de dólares mundialmente.

Posteriormente, retornou como Rusty Ryan na sequência Ocean's Twelve, que angariou 362 milhões de dólares. No ano seguinte, apareceu ao lado de Angelina Jolie em Mr. & Mrs. Smith, interpretando John Smith, um assassino profissional que é contratado para matar sua concorrente, Jane Smith.

Em seguida, interpretou Richard Jones no drama Babel (2006), pelo qual foi indicado ao Globo de Ouro de Melhor Ator Coadjuvante.

Sua próxima aparição foi na comédia de humor negro Burn After Reading (2008). Em The Curious Case of Benjamin Button (2008), interpretou Benjamin Button.

Sua atuação foi bem elogiada pelos críticos, fazendo com que fosse indicado ao Prêmio Screen Actors Guild, Globo de Ouro e Oscar, todos na categoria de "Melhor Ator".

No filme Inglourious Basterds (2009) interpretou o tenente Aldo Raine. Em seguida, dublou a personagem Metro Man no filme de animação Megamind (2010).

Sua aparição em The Tree of Life (2011) foi bem recebida, assim como em Moneyball, que rendeu-lhe nomeações ao Prêmio Screen Actors Guild, Globo de Ouro, Satellite Award e ao Oscar de Melhor Ator.

Seu maior sucesso comercial veio com o filme de suspense sobre um apocalipse zumbi World War Z (2013), que arrecadou mais de 540 milhões de dólares no mundo inteiro.

Produziu e desempenhou um pequeno papel em 12 Years a Slave (2013), que recebeu aclamação da crítica e foi nomeado a nove Óscares, e Pitt ganhou na categoria de Melhor Filme.

Prêmios e indicações de Brad Pitt

Ao longo de sua carreira, Pitt foi nomeado e venceu diversos prêmios, notavelmente suas nomeações para o Oscar de Melhor Ator (2009 e 2012), Globo de Ouro de Melhor Ator em Filme Dramático (1995, 2007, 2009 e 2012), seis BAFTA, dois Emmy de Melhor Telefilme e aos Prêmios Screen Actors Guild de Melhor Ator em Cinema em 2009 e 2012.

Ele venceu o Oscar de Melhor Filme (em 2014, por ter produzido 12 Years a Slave), o Globo de Ouro de Melhor Ator Coadjuvante (1996 e 2020), Prêmio Screen Actors Guild para Melhor Elenco em Cinema (2010) e o BAFTA de Melhor Filme (2014).

Pitt foi também nomeado ao MTV Movie & TV Awards por doze vezes e venceu quatro, aos Prêmios Teen Choice por onze, vencendo duas.

Ao People's Choice Awards recebeu onze nomeações e quatro vitórias.

Data de Aniversário de Brad Pitt

Brad Pitt comemora seu aniversário todo dia 18 de Dezembro, e é do signo de Sagitário.

Brad Pitt: Idade e Data de Nascimento

Brad Pitt nasceu em 1963, era Quarta-feira. Hoje tem 57 anos de idade.

Altura de Brad Pitt

Ainda não temos informações sobre a altura de Brad Pitt. Se você sabe, ajude a gente enviando essa informação nos comentários ao final da página.

Características Físicas

Altura Não informado
Peso Não informado
Peso Ideal Não informado
Olhos Não informado
Tom da pele Não informado
Sexo / Gênero Masculino

Também fazem aniversário no dia 18 de Dezembro

Alejandro Sanz André HP Christina Aguilera Fernando Rocha Helmuth Schneider Igor Angelkorte Jason Mantzoukas Jayden Lund Joseph Stalin Katie Holmes Keith Richards Krizia Bajos Leina Krespi Negra Mary Nick Allan Ray Liotta Sofia Embid Steven Spielberg Yasmin Gomlevsky

Outros famosos do signo de Sagitário

Aaron Carter Aaron Rodgers Abigail Marlowe Adam J. Harrington Adriana Esteves Afonso Lagarto Ai Orikasa Aimee Garcia Alan Ormsby Alberto Zeni Aldo César Aldo Maccione Alejandro Awada Alejandro Sanz Alesia Glidewell Alessandra Panaro Alex Cox Alex Kapp Alexandre Willaume Alexis Sánchez Alfred Enoch Alfredo Castro Ali Astin Alison Pill Allan Graf Amanda Anka Amanda Seyfried Amanda Wyss Amy Lee Ana Esmeralda André Dias André HP Andrew McCarthy Andy Williams Ângela Leal Angélica Angelika Hauff Anita Caprioli Anna Maria Sturm Anna-Maria Jopek Anselmo Vasconcelos Anthony Arkin Antonio Benício Antonio Calloni Apl.de.Ap Armando Iannucci Babu Santana Babu Santana BBB 20 Barbara Fialho Barry Livingston Beatriz Bonnet Beatriz Leonardo Ben Stein Benny Andersson Bette Midler Bill Erwin Bill McKibben Bill Pullman Billy Connolly Billy Idol Billy Lush Bo Jonsson Boni Boris Becker Brad Carter Brendan Fraser Brett Rickaby
Ver todos

Comentários