Foto de Berta Zemel

Berta Zemel Feminino

Role a página para encontrar informações gerais como peso, altura e idade de Berta Zemel, dentre outras.

Você também irá encontrar outras celebridades que fazem aniversário no mesmo dia, além de signo dos famosos e comentários da comunidade.

O Gosto por Contar Histórias de Berta Zemel

O pai de Berta gostava de contar histórias. "Quando faltava livros contava a sua própria vida, as vezes fantasiosa".

Ao final de uma história contada ele dizia: "Quem tem fé e acredita em si mesmo será jovem a vida inteira!" Berta diz que levou o maior susto quando nas cenas finais da novela Água na Boca, sua personagem Maria Bellini fala a mesma frase que seu pai lhe dizia há setenta anos.

As histórias que o pai contava influenciaram sobretudo o futuro da atriz no Teatro. Quando construiu Vitória Bonneli, da novela de mesmo nome, se inspirou na mãe e outras mulheres lutadoras do bairro onde morava.

A Escola de Teatro de Berta Zemel

Berta e a mãe iam a uma pensão perto de casa almoçar, o filho do dono da pensão era Durval de Souza, que foi ator, comediante, locutor, dublador e pioneiro na apresentação de programas infantis na televisão brasileira.

Nos almoços na pensão mãe e filha encontravam Durval. Um dia a mãe de Berta apresentou a filha a Durval que à época já trabalhava na TV.

Perto da pensão havia o Teatro Brasileiro de Comédia - TBC. Na parte de cima do TBC ficava a Escola de Arte Dramática, onde Durval de Souza também era aluno.

Berta nem sabia que existia um teatro perto da casa dela. Num almoço anterior Dona Rosa já havia falado com Durval : "Minha filha quer muito trabalhar".

Trabalho ele não arrumou, pois não fazia rádio e na TV nada para uma menina da idade de Berta. Mas falou em outro almoço de mãe e filha sobre a Escola de Arte Dramática.

Deu-lhe dois ingressos e disse "se você gostar eu te ensino a fazer o teste da Escola (EAD)". O TBC foi criado por Franco Zampari e a EAD era dirigida por Alfredo Mesquita (membro da família que dirigia o jornal O Estado de S. Paulo (Estadão).

Famosos atores faziam o TBC: Bibi Ferreira, Tônia Carrero, Sérgio Cardoso, Cleyde Yáconis, Paulo Autran, Cacilda Becker. Havia também o trabalho dos diretores estrangeiros: Zbigniew Ziembinski, Ruggero Jacobbi, Adolfo Celi, Luciano Salce.

Berta assistiu com a mãe ao espetáculo com os ingressos que Durval de Souza havia dado a elas com a mãe e ficou maravilhada com a encenação.

Era aquilo que ela queria fazer e até então não sabia. Porém era tímida e tinha a voz quase que escondida.

Fora a resistência da família. Berta covenceu a mãe que teatro era o que queria fazer. Certo dia as dua pediram ajuda ao Durval de Souza.

Então, todos os dias durante alguns meses, ele ia a casa de Berta lhe dar aulas. Depois de muitos exercícios, nos ensaios sua voz começou a aparecer.

Depois fez os testes que consistiam em testes de português e de interpretação, com duas leituras, e enfim entrou na EAD, classificada em segundo lugar.

Televisão de Berta Zemel

Na TV, participou de várias peças do Grande Teatro Tupi dirigida, entre outros, por Sérgio Brito, a partir de 1955 até o começo da década de 60.

O Morro dos Ventos Uivantes, novela baseada no livro de Emily Brontë, marcou sua primeira aparição em televisão. Com Fernanda Montenegro fez, para a TV, À Margem da Vida, de Tennessee Williams, em dezembro de 1958.

Em 1965, fez o papel de uma tia meio louca do personagem de Vicente Celestino em O Ébrio, na TV Paulista, a atual TV Globo São Paulo.

Foi uma brevíssima aparição representando a personagem Adélia. Entre 1972 e 1973, Berta protagonizou a novela Vitória Bonelli, escrita por Geraldo Vietri.

A novela fez estrondoso sucesso chegando a alterar o horário de missas e de sessões de cinema entre setembro de 1972 e julho de 1973.

É considerado seu melhor trabalho para a TV. Entre 1993 e 1996 o Núcleo de Teledramaturgia do SBT cogitou produzir um remake de Vitória Bonelli.

À época, Nilton Travesso havia chegado ao SBT para remontar o núcleo de dramaturgia e os remakes eram a aposta inicial.

Vietri morreu em 1996, o que prejudicou um provável remake de Vitória Bonelli no SBT. Outro papel que Berta relembra com carinho é o da professora Berenice, personagem de Os Apóstolos de Judas, de 1976.

Em 1979 fez a Raquel de Gaivotas, trama em que o protagonista reúne os amigos do colégio trinta anos depois de um trágico acontecimento na formatura deles.

Na rede Bandeirantes fez Madalena, na novela Renúncia, de 1982. A novela também foi escrita e dirigida por Geraldo Vietri, adaptada do romance do espírito Emmanuel, psicografado por Chico Xavier.

Essa novela ficou no ar por apenas 12 dias e retirada da grade de programação da emissora sem maiores explicações.

A essa altura a Tupi já havia se transformado em TVS (depois SBT). Jogo do Amor foi transmitida pelo SBT entre março e agosto de 1985.

Berta Zemer interpretou Viviane nessa novela escrita por Aziz Bajur. Depois dessa novela, Berta passou a se dedicou mais ao teatro, a sua grande paixão.

Além disso, ela morava em São Paulo e normalmente as gravações eram no Rio de Janeiro. Em 1997 a atriz fez uma participação especial na terceira temporada de Malhação, entre 31 de março de 1997 e 2 de janeiro de 1998, como a professora Penny.

De volta à TV Bandeirantes,em 2008, foi a personagem Maria Bellini em Água na Boca, novela de Marcos Lazarini: a história do amor entre dois jovens de famílias rivais: os Bellini e os Cassoulet.

Cinema de Berta Zemel

A estreia no cinema foi em O Quarto, filme de 1968 escrito e dirigido por Rubem Biáfora. No longa, Berta interpreta Júlia.

A atriz teve muita dificuldade de passar do teatro para o cinema. Havia uma frase que era difícil para ela: "Quanto menos você fizer é melhor.

O menos é mais". A atriz aparece no filme apenas uma vez. "Foi um dos bons filmes daquela época."Em 1977, no filme Que Estranha Forma de Amar, baseado no romance Iaiá Garcia, de Machado de Assis, volta à trabalhar com Geraldo Vietri, diretor das novelas Vitória Bonelli e Renúncia.

Em Desmundo, de 2002, dirigido por Alain Fresnot, deu vida à dona Branca e acabou conquistando o Troféu Candango de melhor atriz coadjuvante na 35ª edição do Festival de Brasília.

Em O Casamento de Romeu e Julieta, de Bruno Barreto, gravado em 2004 e lançado em 2005 interpretou a Nenzica.

Em A Casa de Alice, de 2007, fez Dona Jacira, a mãe da protagonista Alice. Além do Candango por Desmundo, a atriz ganhou inúmeros prêmios ao longo da carreira.

"Ganhei todos" "Tenho uma meia dúzia de Sacis, vários Governador do Estado e mais alguns, entre os quais o da Associação Paulista dos Críticos de Arte (APCA) e o Padre Ventura, no Rio", contabiliza.

Morte de Berta Zemel

Morreu em 25 de fevereiro de 2021, aos 86 anos de idade, de broncopneumonia.

Data de Aniversário de Berta Zemel

Berta Zemel comemora seu aniversário todo dia 06 de Agosto, e é do signo de Leão.

Berta Zemel: Idade e Data de Nascimento

Berta Zemel nasceu em 1934, era Segunda-feira. Hoje tem 87 anos de idade.

Altura de Berta Zemel

Ainda não temos informações sobre a altura de Berta Zemel. Se você sabe, ajude a gente enviando essa informação nos comentários ao final da página.

Características Físicas

Altura Não informado
Peso Não informado
Peso Ideal Não informado
Olhos Não informado
Tom da pele Não informado
Sexo / Gênero Feminino

Também fazem aniversário no dia 06 de Agosto

Adoniran Barbosa Connor Matheus Erik Estrada Loaiza Geri Horner Gianfrancesco Guarnieri Harley Graham Irene Ravache Jason Rogel Karl Davies Merrin Dungey Michelle Yeoh Orival Pessini Otávio Müller Robin van Persie Robson Nunes Valdemar Santos Vanessa Gerbelli Vera Farmiga

Outros famosos do signo de Leão

Aaron Staton Abbie Cornish Adewale Akinnuoye-Agbaje Adolfo Celi Adoniran Barbosa Aida Leiner Aimee-Lynn Chadwick Al Roker Al Sapienza Alan Madlane Albano Jerónimo Alejandro Trejo Alfred Hitchcock Aline Fanju Amália Rodrigues Amanda Brum Amber Hay Amrita Acharia Amy Adams Ana Celentano Ana Cristina de Oliveira Ana Flávia Cavalcanti Ana Pauls Anaju Dorigon Anderson Di Rizzi Andi Deris André Lamoglia Andrea Bayard Andréia Horta Andrew Garfield Andy Bell Angela Dohrmann Angelo Vacco Angie Cepeda Anna Gunn Anthony Crivello Anthony Tyler Quinn Antonia Morais Antonio Banderas António Silva Arnold Schwarzenegger Asante Jones Asher Grodman Babi Barack Obama Barbara Laage Barta Barri Bastian Schweinsteiger Beatriz Segall Belinda Peregrín Ben Affleck Ben Rosenfield Ben Silverman Benito Mussolini Benjamin Lavernhe Benny Carter Beto Perocini Bill Clinton Bill Skarsgård Birol Ünel Bob Balaban Brazil National Football Team Brendan Cowell Brianna Hildebrand Bridie Latona Brigitte Maier Bruce Dickinson
Ver todos

Comentários